Pesquisadores da Microsoft propõe alternativa para o “PageRank”

Pesquisadores asiáticos, incluindo 3 colaboradores da Microsoft, divulgaram esta semana uma proposta para substituir o atual sistema de ranking de páginas em buscadores do Google, o chamado PageRank.

Para esse “novo” método, ao qual eles deram o nome de “Browse Rank”, que propõe uma maior relevância de um site em um resultado de busca, ao qual será determinado por um gráfico de navegação do usuário, que será gerado a partir de dados retirados do comportamento do internauta, que salva até o tempo de permanência do usuário em um site.

“O gráfico de navegação do usuário e mais confiável do que o de links para inferir a importância da página”, observam os pesquisadores referindo-se aos métodos como o PageRank, do Google, e o Trust Rank, técnica de análise da Universidade de Stanford e do Yahoo, para definir a relevância no resultado das buscas. “(…) Os links podem ser facilmente adicionados ou retirados pelos criadores de conteúdo”, observam os autores do estudo.

Os pesquisadores acreditam no “voto implícito” do usuário para definir a relevância dos resultados de busca.

Bom, como opinião pessoal, não creio que esse sistema dê certo, primeiro pela “liderança” do Google no mercado, que já é de mais de 70% no mercado de buscas, e segundo, ainda creio que o atual sistema de ranking, o PageRank, seja muito melhor funcionando exatamente com os LINKS, existe uma relevância maior do que um site que fala de tecnologia, linkar outro site de tecnlogia para continuar o assunto de que você estava falando?

Essa coisa de deixar na mão do internauta pode não dar muito certo, afinal de contas, é só analisar quanta “salsinha” a gente vê por ai.

43 queries in 0,229 seconds.